carreta-lancha-barco

Carretinha para carros: conheça regras, limites e 8 modelos

Nem sempre o espaço dentro dos veículos é suficiente para suprir a demanda dos motoristas. Seja para uso comercial ou pessoal, se você está buscando uma alternativa para ganhar espaço e transportar cargas extras em seu veículo, a carretinha para carros (ou também conhecida como reboque) é uma opção que pode ser perfeita.

>>>>>veja nossos modelos de carreta reboque

O que é carretinha reboque

carretinha-reboque-presidente

Segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a carretinha (conhecida como reboque pelo CTB) é um veículo não motorizado vinculado a um veículo motorizado. Em sua maioria, ela serve como um auxiliar para transporte de cargas como malas, mercadorias, barcos ou motocicletas. Para que o reboque seja utilizado, ele precisa ser registrado no DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito), possuir o CRV (Certificado de Registro de Veículo) que possibilita o emplacamento do veículo e a emissão do CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo) que é o licenciamento anual juntamente com o documento de porte obrigatório.

Além disso, o reboque para carros precisa ter itens obrigatórios para que seja permitido seu trânsito juntamente com os veículos. A seguir, a lista desses itens: 

° Protetores para as rodas posteriores;

° Para-choque posterior;

° Lanternas posteriores de luz vermelha;

° Freios de estacionamento e serviços com comandos independentes;

° Iluminação da placa;

° Lanternas posteriores com indicação de direção na cor vermelha ou cor âmbar;

° Pneus com condições de segurança .

Qual o tamanho máximo de uma carretinha

Existem no mercado carretinhas para carros de diversas formas, tamanhos e estilos mas as proporções devem sempre seguir o Artigo 81 do Decreto nº 62.127 do CTB. Para que o reboque possa circular de forma legalizada e segura, as medidas máximas permitidas pelo código são as seguintes:

Largura máxima2600 mm (2,6 m)
Altura máxima4400 mm (4,4 m)
 Comprimento máximo entre o veículo trator e o reboque19800 mm (19,8 m)
balanço traseiro máximo3500 mm (3,5 m)

Quanto custa para emplacar uma carretinha

Já deu para perceber que possuir um reboque para carros demanda certo custo e certas medidas. Como a carretinha é uma extensão externa de um veículo, ela também precisa ser emplacada. O custo médio de emplacamento segundo o Detran é de 132, 00 reais.

Para puxar carretinha precisa de qual carteira

É importante se atentar aos tipos de carteira de motorista que podem ser utilizadas para usar a carretinha e a quantidade de peso que cada categoria pode levar. Os motoristas com a categoria B  podem puxar um reboque com até 3,5 toneladas de peso bruto (soma do peso total do carro e do reboque), acima 3,5 toneladas até 6 toneladas, a carteira permitida é a de categoria C, valores superiores a 6 toneladas, é utilizada  a carteira E

Engate para carretinha

engate-carretinha

Parte importante da conexão carretinha e veículo é justamente o engate. Ele é uma “bola” que se liga no para-choque traseiro do veículo e sua utilidade é justamente para que o reboque seja acoplado como anexo do veículo. A algumas pessoas que acreditam na ilegalidade do engate, ou seja, que ele não é permitido pela CONTRAN mas isso é uma falsa afirmação. O engate é sim permitido mas o proprietário do carro deve seguir as regras que o fabricante do veículo e do acessório forneceram, além das regras vigentes na Lei. 

Para que o engate seja utilizado, ele precisa do selo fornecido pelo INMETRO, isso garante que o produto possui todos os parâmetros de segurança para ser utilizado.

Carretinha reboque usada

Foto.: olx.com.br

Caso você queria comprar uma carretinha para carro mas não tá afim de gastar muito, pode então optar por uma usada. Em vários sites de compra e venda como Mercado Livre, Olx e classificados online, há milhares de opções, tipos, preços e situações. Vale lembrar que quando se compra uma carretinha, precisa se ater a documentação legal e se o reboque está dentro das leis, com emplacamento e itens obrigatórios, além disso, na hora da compra se atente para as condições de manutenção dela, já que um reboque em mal estado ou com problemas mecânicos pode acarretar em acidentes com próprio carro e com outros veículos também.

Aluguel de carretinha

carretinha-reboque-presidente-2021

Essa é uma opção para aqueles que precisam de uma uma solução rápida para transporte e vai usar apenas uma vez ou poucas vezes. É o caso de mudanças, você não precisa comprar uma carretinha, pode locar em empresas especializadas e após o uso, devolver. Nem sempre é necessário a compra do reboque para carro, o aluguel pode suprir as necessidades do motorista facilmente.

Alguns tipos de carretinha no mercado

1.     Carretinha para carros ou carretinha reboque

Possivelmente seja a mais usada, a carretinha para carros é uma opção para aqueles que precisam ganhar espaço no veículo. Nem sempre é usado apenas para cunho comercial, muitos motoristas acabam aderindo a carretinha para transporte de malas, de barcos ou algo que não pode ser transportado dentro do veículo.

2.     Carretinha para moto

A algumas diferenças entre as normas de carretinha para carros e carretinha para moto. A primeira coisa que devemos observar é a capacidade da moto, que deve ser superior a 120 cilindradas. O reboque ou semi-reboque deve possuir um comprimento máximo de 2,15m, altura máxima de 90 cm e a largura máxima de 1,15 m. As regras de emplacamento e documentação seguem o mesmo modelo da Carretinha para carro, mostrado mais acima.

3.     Carretinha fazendinha

Em termos gerais, a carretinha fazendinha é uma das mais conhecidas e usadas, isso porque seu custo pode ser menor em comparação aos demais tipos e modelos de reboque e sua manutenção por assim dizer pode sair mais em conta também, além de poder ser usada mais dinamicamente.

4.     Carretinha bau

A carretinha baú é muito indicada para carregar cargas que demandam de um isolamento exterior, seja da chuva, do vento, sol etc. Isso porque, na maioria dos casos, ela  possui as paredes do reboque mais altas e com um fechamento por meio de uma porta . 

5.     Carretinha trucada

Carretinha trucada costuma ser um pouco maior que a carretinha fazendinha e possui dois eixos e duas rodas de cada lado, com maior capacidade de transporte de peso e de carga.

6.     Carretinha para cavalo

A carretinha para cavalo é própria para o transporte de animais. A grande diferença do reboque é sua altura, que por conta do tamanho do animal, costuma ser mais elevada. Vale lembrar que caso a carretinha não siga as devidas normas de uso, a multa para o motorista é de aproximadamente 8 mil reais.

7.     Carretinha para barco

Carreta trucada para lancha do cantor Chitãozinho (dupla Chitãozinho & Xororó)

Sendo um dos modelos mais usados principalmente por amantes de pesca, a carretinha para barco é um modelo mais “vazado” isso porque ela costuma ter apenas a parte para encaixe do barco, não tendo grade ou cobertura.

8.     Carretinha para jet-ski

reforma-carretinha-reboque-presidente

Semelhante ao modelo da carretinha para barco, a carretinha para jet-ski também é um modelo vazado, tendo apenas a estrutura que levará o jet-ski. Por sua vez, ela tende a ser menos do que a do barco.

Conclusão

Seja para trabalho, lazer ou transporte de cargas mais pesadas, a carretinha é sim uma boa saída para aqueles que não querem comprar um carro mais caro e precisam de espaço ou precisam investir no seu negócio. As vantagens do reboque é que em um carro, você pode utilizar vários dos modelos e de formas diferentes. Se você é alguém que viaja com frequência, que possui um negócio ou precisa fazer constantes mudanças, a carretinha será uma saída fácil para você.

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Ficou interessado em nossos produtos?

Mais

Posts Realacionados